Os Tripes do Brasil
Identificação, Informações, Novidades

Chave de identificação interativa

 

Para iniciar a identificação de tripes coletados no Brasil, clique aqui.

 

Novas ferramentas de identificação

A identificação de espécimes pode ser bastante trabalhosa porque as chaves de identificação tradicionais geralmente estabelecem um caminho único a ser seguido e não apresentam qualquer forma de adaptação às necessidades do usuário. Com o intuito de aperfeiçoar o processo de identificação, os taxonomistas vêm desenvolvendo uma série de ferramentas e metodologias que tem envolvido o uso de algoritmos computacionais. Entre estes novos métodos, as chaves de múltiplo acesso (ou chaves interativas) estão entre as mais modernas e importantes. Estas chaves são programas computacionais interativos que utilizam uma matriz de dados das espécies versus combinações de caracteres, permitindo ao usuário selecionar qualquer caractere em qualquer ordem.

 

Estes sistemas interativos apresentam muitas vantagens em relação às chaves tradicionais, como: (i) o uso irrestrito de caracteres, (ii) exclusão, seleção ou priorização de caracteres, (iii) a facilidade de atualização da matriz de dados e (iv) a exibição de grande quantidade de imagens e informações a baixo custo. O usuário das chaves de múltiplo acesso pode inclusive expressar a sua incerteza informando mais de um estado para determinado caractere, sem comprometer o resultado da identificação. Também permitem a exibição de caracteres por meio de imagens de alta definição para comparações de táxons e características. Por fim, estudos indicam que a porcentagem de acerto nas identificações de táxons realizadas por não-especialistas é superior em chaves interativas quando comparadas às chaves tradicionais.

 

O sistema de identificação "Os Tripes do Brasil" foi desenvolvido através da plataforma denominada Lucid3.5, desenvolvida pelo CBIT (Centre for Biological Information Technology), da Universidade de Queensland, Austrália. As chaves foram confeccionadas utilizando características da morfologia externa dos tisanópteros, como por exemplo: estrutura e formato de diferentes partes do corpo, quetotaxia, esculturação, coloração.

 

Para iniciar a identificação de tripes coletados no Brasil, clique aqui.

 


Publicado em: 21/12/2018
Postado por: Adriano
Tags: Thysanoptera do Brasil, tripes, chaves

Galeria de fotos :


Atendimento


Brasil, Rio Grande do Sul, Rio Grande

Campus Carreiros: Av. Itália km 8

Bairro Carreiros



(51) 9812-37076


cavalleri_adriano@yahoo.com.br

Curta nossa Fan Page

Thysanoptera © Todos Direitos Reservados 2019

Facebook Instagram Linkedin

Hostche - Criação de Sites